top of page

Os benefícios do Planejamento Financeiro para a saúde mental

Sete em cada dez brasileiros possuem problemas emocionais devido ao saldo da conta bancária. Descubra como o planejamento financeiro pode mudar esse cenário.


Foto: Freepik e adaptação do autor (2024)


"Dinheiro não traz felicidade", pelo menos é o que eles dizem. De fato, o dinheiro não é capaz de comprar sorrisos ou consolar corações partidos. Momentos como estes, não necessariamente precisam de algum tipo de cédula para serem realizados.


No entanto, em muitas situações no dia a dia e na busca por conquistas materiais, o dinheiro se torna essencial. Ele é a moeda de troca que abre portas e possibilita sonhos. Muitas das vezes, responder um "sim" ou um "não" depende exclusivamente do saldo bancário. Diante dessa pressão financeira, as pessoas se sentem incapazes, frustradas, tristes e podem desenvolver quadros graves de ansiedade e depressão.


Uma pesquisa realizada pela fintech Onze revelou que as finanças têm um impacto direto na saúde mental dos indivíduos. Sendo assim, equilibrar os ganhos e os gastos são cruciais para o bem-estar do ser humano.


Saúde financeira e a saúde emocional


Um estudo feito pela fintech Onze em parceria com a seguradora Icatu, revelou que, a cada dez brasileiros, sete afirmaram terem problemas emocionais devido a questões financeiras. A pesquisa entrevistou 8.573 trabalhadores e revelou dados alarmantes: 59% não possuem uma reserva financeira de emergência, 41% afirmam que a renda não cobre todos os gastos mensais e 54% disseram que a maior preocupação atual é com o dinheiro, acima de temas como família (17%), saúde (13%) e trabalho (8%).


Os resultados destacaram que a falta de dinheiro desencadeia uma série de problemas, sendo os principais a ansiedade (53%) e a insônia (41%). Além disso, há também relatos de depressão, dificuldades nos relacionamentos amorosos e familiares e até mesmo impactos na saúde física. Também, 68% afirmam que as preocupações financeiras afetam diretamente sua produtividade no trabalho.


Ainda, a pesquisa também revelou que a maior preocupação dos 55% dos entrevistados é não ter condições financeiras suficientes para emergências, como problemas de saúde, acidentes, ajuda para amigos e familiares e perda dos bens. Entre aqueles que associam sentimentos negativos ao dinheiro, 64% relataram que as contas afetam a qualidade de vida.


Sob este contexto, fica evidente que a saúde mental e a financeira estão diretamente interligadas e a incapacidade de cumprir as obrigações financeiras, como pagar as contas e garantir o padrão de vida da família, pode desencadear casos graves de depressão e ansiedade. Nesse sentido, o corretor de seguros e especialista em finanças, Pedro Augusto Resende, aponta a importância do planejamento financeiro para ter pleno controle das finanças, clareza dos objetivos e reduzir o estresse financeiro. "O planejamento financeiro não é apenas para gerenciar bem o nosso dinheiro. É também investir em uma jornada de crescimento e segurança financeira, ter o controle total das finanças, tranquilidade de saber que se está preparado para lidar com qualquer tipo de imprevisto e ter a liberdade de poder conquistar os seus sonhos." afirma o corretor.


Como fazer um Planejamento Financeiro?


Ter um planejamento financeiro pessoal bem estruturado pode parecer desafiador no começo, porém, o mais importante é dar o primeiro passo. Seja conquistar a casa própria, garantir um futuro tranquilo ou realizar um grande sonho, esse tipo de estudo é a chave para transformar seus objetivos em realidade.


-O planejamento financeiro é um processo de autoconhecimento: você vai precisar compreender melhor os seus hábitos de consumo, estabelecer limites, controlar as entradas e as saídas do seu orçamento e fazer planos para o futuro.


Organize as suas finanças: anote todas a suas receitas e despesas para ter uma visão clara das suas finanças;


-Reserva de emergência: reserve pelo menos 20% da sua renda para poupança. Ter uma reserva de emergência é essencial para momentos inesperados;


-Elimine dívidas desnecessárias: priorize o pagamento de dívidas com juros altos para evitar que elas se acumulem;


-Proteja seus imprevistos com um seguro: o seguro desempenha um papel fundamental nessa trajetória, protegendo suas conquistas e oferecendo segurança para enfrentar qualquer imprevisto que possa surgir ao longo do caminho. Um Seguro de Vida, por exemplo, oferece proteção financeira para a família, protege o patrimônio e ajuda a alcançar objetivos financeiros de longo prazo. É uma ferramenta versátil e que se adapta às necessidades e objetivos individuais de cada um, além de desempenhar um papel crucial no planejamento financeiro.


Qual é o seu próximo objetivo financeiro? Ter um planejamento bem estruturado é bem complexo, todavia, a Cherokee pode te ajudar nessa e em muitas outras trajetórias.


Segurança Financeira e a Cherokee Seguros


Iniciar um planejamento financeiro não é uma tarefa das mais fáceis. Requer atenção aos detalhes, mas com a consultoria adequada, essa atividade pode trazer inúmeros benefícios a curto, médio e longo prazos.

Preparado para viver essa jornada rumo a sua independência financeira? Temos um e-book completo e gratuito para ajudá-lo a criar um planejamento financeiro de sucesso. Se preferir, você também pode conversar diretamente com um de nossos especialistas. Há um time de corretores renomados prontos para desenvolver um dos melhores planos financeiros de acordo com as suas necessidades individuais.


A Cherokee Seguros está presente no mercado há 25 anos e ela existe para que os seus sonhos possam ser realizados, assim como os nossos. Juntos, podemos escrever histórias incríveis.


Você não está sozinho nessa jornada cheia de imprevistos. Aqui, a sua segurança é a nossa prioridade. Entre em contato com um de nossos corretores e conheça tudo o que o mundo dos seguros reserva para você.



Referências:


Infomoney. Sete a cada dez brasileiros acreditam que falta de dinheiro afeta a saúde emocional. Disponível em: https://www.infomoney.com.br/minhas-financas/sete-a-cada-dez-brasileiros-acreditam-que-falta-de-dinheiro-afeta-a-saude-emocional/utm_source=whatsapp&utm_medium=social. Acesso em 16/04/2024.


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page