Dicas para manter a casa limpa contra o Covid-19

Em momentos como o que estamos passando, onde a limpeza e higiene são pontos fundamentais para o combate ao coronavírus, a atenção aos detalhes e boas praticas são informações de grande valia, ainda mais quando o assunto é nossa residência, local onde estamos passando mais tempo. Só que são muitas as informações que chegam para nos, como vamos saber quais são de fato as melhores dicas de limpeza para minha residência?

Nesse post vamos te passar quais foram as melhores dicas que encontramos para manter sua casa longe do Covid-19.


Segundo orientações de infectologistas e profissionais do ramo, uma limpeza pesada, que abrange todos os cômodos, normalmente deve ser realizada de 15 em 15 dias. Contudo, devido à pandemia do coronavírus, esse tempo deve ser encurtado para 7 em 7 dias.

Esse é apenas um dos esforços a serem adotados para sua residência e para as pessoas que habitam esse lar. E, por falar em cuidados com a casa e com todas as pessoas que habitam nela, fazer um Seguro Residencial é outra forma de preservação e segurança, pois esse seguro conta com uma gama de assistências que ajudam nessa limpeza em lugares que não temos tanto acesso, como: calhas, caixa d'agua, dedetização, entre outros.


Proteja sua casa com o Seguro Residencial


Por isso, se você ainda não tem seguro para sua casa, não perca mais tempo, estamos com boas condições. Trabalhamos com diversas seguradoras do mercado, o que é um grande diferencial do ramo. Por conta disso, garantimos uma proposta que seja adequada às suas necessidades.

Para saber mais, deixe seu cadastro e entraremos em contato. Ou se prefere, ligue para (32) 33718150


9 dicas para garantir a limpeza da sua casa


Agora a higienização é uma questão que vai muito além de “estar ou não arrumado”. Confira algumas medidas para desinfetar os cômodos de sua casa.


1. Frequência: não existe um número exato de vezes que a casa precisa ser higienizada, isso depende se há alguém infectado, se há pessoas em exposição. O ideal é intensificar a rotina de faxina prestando atenção nos cômodos mais críticos, como cozinha e banheiro, que devem receber atenção diariamente;


2. Não esqueça dos detalhes: alguns objetos acabam passando batido na faxina, mas as maçanetas, corrimãos, controles remotos, interruptores e aparelhos eletrônicos são muito manuseados. Por esse motivo eles devem ser bem higienizados. Álcool 70% é uma boa opção para essa tarefa;


3. Use os produtos corretos: para limpeza geral, dos pisos por exemplo, água sanitária diluída é a opção para eliminar bactérias segundo o Ministério da Saúde (a proporção é uma medida de água sanitária para nove medidas de água); para louças e roupas não misture os detergentes, cada um com seu produto, pois assim eles têm eficácia garantida;


4. Mantenha as janelas abertas: a circulação de ar evita que se crie mofo, vírus e bactérias. Assim, recomenda-se que todos os ambientes, sobretudo os mais úmidos, como os banheiros, estejam sempre arejados;


6. Separe os panos e luvas: a ideia aqui é que, durante a limpeza, a contaminação não vá de um cômodo para outro. Panos coloridos são uma boa forma de separar os materiais específicos de cada espaço;


7. Limpe seus equipamentos de faxina: depois de terminar de limpar, higienize as luvas da mesma forma que as mãos, com água, sabão e álcool gel. Lembre-se de secar os materiais depois de lavá-los, pois panos e esponjas molhados podem criar bactérias;


8. Evite trazer objetos de fora: com muita gente em quarentena, a contaminação pode acontecer quando algo de fora entra na casa. Por isso, adote o costume oriental de tirar os sapatos antes de entrar em casa. Isso evita que as bactérias da calçada entrem. Se for possível, tome banho e tire suas roupas logo que chegar. Ao fazer compras de mercado ou em qualquer outra loja, higienize os produtos antes de guardá-los, incluindo caixas e latinhas;


9. Tudo separado: caso haja alguém infectado na sua residência é fundamental que toda a higiene do cômodo da pessoa, assim como suas roupas e objetos seja feita separadamente. Idealmente, a própria pessoa infectada deve fazer tais procedimentos.

40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo