Como proteger seus dados contra fraudes na internet

Você já parou para pensar na quantidade de informações pessoais a seu respeito que circulam pela internet? Por um lado, a tecnologia trouxe agilidade e velocidade para nossa comunicação com amigos, familiares e empresas, seja por e-mail, redes sociais ou aplicativos de celular como Whatsapp. Por outro, aumentou a circulação dos nossos dados como números de documentos, endereços, informações financeiras e muito mais.



fraude de senha

Da mesma forma, cresceram também os crimes virtuais, golpes e fraudes pela internet. Por isso é fundamental tomar medidas de proteção para evitar que seus dados sejam utilizados de maneira indevida. Pensando nisso, preparamos 5 dicas para você diminuir as chances de se expor a estes riscos. Confira!


5 dicas para proteger seus dados


Senhas: cuide bem delas!

Um dos cuidados mais básicos que você pode adotar é o cuidado com as suas senhas de acesso. Não compartilhe nenhuma senha por meio de e-mails, redes sociais, telefone, SMS ou mensagens via Whatsapp. Afinal de contas, por mais que você confie no seu destinatário, sua senha pode acabar sendo acessada por criminosos. Evite também anotar suas senhas em papel ou bloco de notas. O ideal é que somente você tenha acesso à elas. Outro lembrete importante: nenhuma empresa nunca vai pedir para você enviar sua senha pra ela; se você receber uma mensagem com esta solicitação, pode ter certeza que se trata de uma tentativa de golpe.


Fator duplo de autenticação

Este recurso é super simples de usar e está disponível nas opções de segurança dos aplicativos de e-mail e redes sociais mais utilizados, como Gmail, Yahoo, Hotmail, Facebook, Instagram, Whatsapp, entre outros. Também conhecido como “verificação em duas etapas”, ele acrescenta uma senha aleatória, além da sua senha pessoal, ao processo de autenticação. Assim, você recebe esta senha aleatória por mensagem via SMS ou e-mail, por exemplo, sempre que for acessar o serviço. Como a senha aleatória é enviada para um canal que só você tem acesso, as chances de fraude são reduzidas.


Link estranho? Não clique!

Se você receber um link estranho, desconfie. Um dos golpes mais comuns praticados por criminosos é enviar links, principalmente por SMS e Whatsapp, se passando por uma empresa. Por isso é extremamente recomendado que você consulte os canais oficiais das empresas antes de clicar. Se mesmo assim você ficar em dúvida, melhor não clicar.


Contato estranho? Desconfie!

Outro crime virtual muito praticado é a tentativa de criminosos se passarem por um contato conhecido seu por meio de mensagens. É comum que elas passem uma sensação de urgência, justamente para confundir seu julgamento. Para reduzir os riscos de cair em golpes, tenha certeza que o remetente da mensagem é um contato conhecido seu. Da mesma forma, desconfie se você receber ofertas e promoções muito vantajosas, com descontos muito altos, pois as chances são grandes de ser uma tentativa de golpe.


Cuidados ao publicar nas redes sociais

Trocar mensagens, fotos e vídeos com amigos e familiares nas redes sociais é um comportamento que já faz parte do nosso cotidiano. Mas é sempre importante lembrar que suas publicações nas redes sociais podem ser vistas por qualquer pessoa. Isto porque mesmo que seu perfil seja privado, basta que um amigo mostre seu post para outra pessoa e pronto: seu conteúdo foi visualizado por alguém fora do seu círculo de amizades. Para evitar problemas, nunca publique dados pessoais, como CPF, e-mail, endereço, ou dados confidenciais como número de cartão de crédito, no Facebook, Instagram, Twitter ou qualquer rede social.


Estas foram nossas dicas para você proteger seus dados e evitar fraudes. É importante estar sempre atento com essas ações para que você possa aproveitar, sem riscos, todos os benefícios e vantagens que a tecnologia e a comunicação digital têm pra oferecer.


18 visualizações0 comentário